26/02/2013

[Report] Concerto dos 20 anos da Bizarra Locomotiva

Apesar da noite gélida do sábado passado, dia 23, foram muitos os fãs de Bizarra Locomotiva que se deslocaram ao Ritz Clube em Lisboa para comemorar as duas décadas de carreira da banda. A fila formava-se cá fora enquanto lá dentro a banda fazia os seus preparativos de entrada em palco.

Foi então por volta das 22h30, com uma sala já bem composta, que a banda subiu ao palco. O seu look, já habitual para quem os conhece, era de máscaras, sacos plásticos pretos e pinturas negras no corpo. Após a Intro acompanhada por palmas, deu-se início à viagem na locomotiva bizarra.

Alpha
Abriram o concerto com Growth Pains, do seu álbum de 95 “First Crime, Then Live”. Um início aparentemente calmo mas que rapidamente foi crescendo de intensidade e energia. O som estava com o volume adequado ao espaço, nem baixo, nem ensurdecedor o que permitia ouvir os temas com a qualidade desejada. Foi neste contexto que foram desfilando temas bem conhecidos do público, tais como Desgraçado de Bordo, O Frio, passando ainda por temas mais antigos, como Fear Now.

Miguel Fonseca
Sem grandes palavras, Rui Sidónio, vocalista e um dos fundadores da banda, foi lançado agradecimentos gestuais nos intervalos das músicas, enquanto o público respondia com palmas e os acompanhavam nos temas mais conhecidos, como Homem Máquina, Engodo, Cada Homem.





Rui Sidónio



Sidónio e a sua energia contagiante, foram sem dúvida motivadores para o crescendo da participação do público ao longo do concerto. Andou em crowdsurfing e até chegou a ir ao piso superior, tendo depois cantado ainda no meio do público que o rodeava e cantava com ele.


Terminaram o concerto com Escaravelho em grande exuberância e o público ainda não totalmente satisfeito quis mais, chamando pela banda e reconhecendo que não podia ficar por ali, ainda não podia ter chegado ao fim. Voltaram então para um encore de três temas, terminando com Anjo Exilado.
Rui Berton

Ficaram as palavras finais para quem esteve presente, que foi efectivamente mais um concerto bizarro de grande intensidade, energia e metal industrial no seu melhor.


Setlist 23/02/2013
Intro
Growth Pains
Gatos do Asfalto
Desgraçado de Bordo
Buraco Negro
Grifos de Deus
Cavalo Alado
O Frio
Ergástulo
Fear Now
Candelabro do Amor
Druidas
Coisa Morta
Homem Máquina
Engodo
Cada Homem
Apêndices
Egodescentralizado
Se Me Amas
O Escaravelho
-------------------------
O Peixe Vermelho
A Procissão Dos Édipos
O Anjo Exilado

Texto :               Miriam Mateus
Fotos e vídeos : Nuno Santos (clique aqui para mais fotos na página do facebook)




Veja também: