18/11/2012

W.A.S.P. 30 Years Of Thunder @ Campo Pequeno, 10-11-2012

Portugal, Lisboa, Campo Pequeno, 10 de Novembro de 2012 : o retorno dos lendários W.A.S.P. ao nosso país para celebrarem os seus 30 anos de carreira com um excelente concerto da sua “30 Years of Thunder Tour”.


Antes de se falar das vedetas da noite, falemos primeiro das bandas de abertura, que foram, nem mais nem menos, 3 bandas nacionais, sim, 3 bandas portuguesas, todas provenientes da zona de Lisboa, MISS LAVA, ATTICK DEMONS E IBERIA. Todas elas estão de parabéns pelas suas excelentes actuações, apesar de algumas adversidades e problemas que existiram ao nível do som, que nada teve a ver com a performance das bandas, mas sim com os técnicos de som da produção, e restrições de PA por parte de W.A.S.P., todas elas souberam fazer o melhor que sabem e mostraram que músicos que são músicos e que dão valor ao seu trabalho e a quem os apoia tocam seja em que condições forem e dão sempre o seu melhor. É também de referir o pouco tempo que as bandas nacionais tiveram para a troca do backline e preparação das suas actuações.


Miss Lava
A primeira banda a entrar em palco foram os MISS LAVA, com o seu tema “Desert Mind”. Apesar do pouco público ainda presente a banda de Johnny Lee na voz, K. Raffah na guitarra, Samuel Rebelo no baixo e J. Garcia na bateria não deixou de mostrar a sua energia e excelente performance em palco, produto das várias actuações realizadas por todo o país, incluindo alguns festivais, tais como o Rock In Rio - Lisboa, Vagos Open Air e Faro Bike Meeting, tours na Grã-Bretanha e também nos Estados Unidos, algumas delas como banda de suporte a Slash, Entombed e My Dying Bride, entre outras. Seguiu-se “Black Rainbow” tema do 1.º álbum da banda lançado em 2009, “Blues For The Dangerous Miles”, que teve uma grande receptividade por parte do público que se encontrava presente. “Feel” é o tema que se segue, mas é com “Ride” dedicado a W.A.S.P e ao facto de participarem neste evento que o público começa a interagir com a banda. Após este tema do 2.º álbum da banda, editado este ano, “Red Supergiant”, MISS LAVA mostram-nos mais um tema deste novo trabalho com “Catch The Fire”. E é com “Don’t Tell a Soul” e “SleepWith The Angels” que terminam a sua actuação.



Attik Demons
​A segunda banda a entrar em palco foram os ATTICK DEMONS, banda formada em 1996. Esta banda de Heavy Metal da zona de Almada, apresentou-nos os seus temas do seu álbum “Atlantis” que foi lançado em 2011 : “City of Golden Gates”, “The Flame of Eternal Knowledge”, “Atlantis”, que teve um grande apoio por parte do público, e “Sacrifice”. Em “Moonlight Walks”, a faixa de bónus da edição japonesa do seu álbum, o público entrou ao rubro, interagindo com a banda com bastante entusiasmo. Neste tema foram notórias as influências que estão por detrás da banda, ou seja, bandas como Iron Maiden, Helloween e mesmo Manowar. Para além deste álbum, a banda constituída por Artur Almeida na voz, Luís Figueira, Hugo Monteiro e Nuno Martins nas guitarras, João Clemente no baixo e Gonçalo Pais na bateria, conta também no seu historial com duas promo tape, uma de 1996 e outra de 1997, um tributo aos 20 anos de Tarantula que saiu em 2001, e antes disso um EP “Attick Demons” que saiu em 2000, do qual retiraram o último tema da noite “The Believer”, que mais uma vez teve um grande apoio do público que se encontrava presente no Campo Pequeno. É também de salientar a energia e a excelente postura e performance de todos os músicos da banda, interagindo entre eles e com o público com bastante entusiasmo e animação.


Ibéria
​A terceira banda a entrar em palco foram os que IBÉRIA, banda já bastante conhecida no universo musical nacional. A banda apareceu por volta de 1986, e gravou dois álbuns, “Ibéria” em 1988 e “Heroes of The Wasteland” em 1990. Após uma paragem de quase 10 anos (mais ou menos entre 1997/2007) ressurge com uma reedição dos dois álbuns já editados em 2009 e, após um concerto no In Live Caffe da Moita em Junho de 2009, anunciaram o regresso em força aos palcos. É então que começaram a trabalhar no seu novo álbum “Revolution” que saiu em 2011. E é com os temas deste novo álbum que os IBÉRIA começam a sua actuação no Campo Pequeno iniciando com “Revolution”, seguindo-se “All Night Flying”, “She Devil” e em seguida “Angel”, uma das músicas que mais apoio teve por parte do público e uma das mais ouvidas deste novo álbum. A finalização da apresentação do seu mais recente trabalho ficou a cargo de “N.I.T.R.O”, que também contou com o apoio dos fans e amigos que se encontravam no Campo Pequeno. Para terminarem a sua actuação os IBÉRIA não desiludiram quem esteve lá para os ver actuar, e voltaram às origens deixarando o público a vibrar com “Fuck The Teacher” e “Unfaithfull Guitars”. Mas faltava uma!!! Onde estava o “Hollywood”??? A música porque todos esperavam não foi tocada apesar de constar na set list da banda para este concerto devido à limitação de tempo imposta pela produção. Apesar de o som não ser o melhor, devido aos problemas atrás referidos, a banda tudo fez para que tudo corresse pelo melhor, e assim foi, pois tiveram uma boa postura em palco e apesar de todas as adversidades não desiludiram os seus fans e amigos.


W.A.S.P.
Após um longo tempo de espera surge a banda da noite W.A.S.P.!!! Sem grande espectáculo em si, apenas com 3 ecrans a relembrarem-nos partes dos clips das músicas que tocaram, ou eventos da sua carreira de 30 anos, não deixaram ninguém indiferente. Ao contrário do que sucedeu com as bandas de abertura, o som esteve no seu melhor e a voz de Blackie Lawlesspôde-se ouvir tal como nos velhos tempos. Apesar de para a maioria de nós W.A.S.P. ser uma banda de 4 elementos, com Douglas Blair, na guitarra, Mike Dude no baixo e Mike Dupke na bateria, foi notório o destaque dado ao vocalista e guitarrista da banda Blackie Lawless, que se encontrava num pedestal acima do resto da banda e pouco interagindo com os seus companheiros. Mas o público vibrou, cantou e adorou todo o espectáculo com uma set list que em nada difere das tocadas noutros países, tais como Espanha e França, mas para infelicidade do público, nem foi dada a hipótese de existir um encore. Foi um bom espectáculo, sem dúvida, com destaque para “The Real Me”, “Wild Child”, “I Wanna Be Somebody” (onde pela primeira vez foi pedido ao público para interagir com a banda) e “Blind in Texas”. Mas desde a primeira até à última música o público fez-se ouvir com força por todo o Campo Pequeno, apesar de este não estar completamente cheio.
Apesar de Blackie Lawless ter referido que o espectáculo seria divido em três partes, estas apenas se aperceberam pelo decorrer da actuação, e não por existir algo de concreto que distinguisse uma parte da outra. Assim sendo, a set list do Campo Pequeno foi:





- “On Your Knees”

- “The Torture Never Stops”

- “The Real Me”

- “L.O.V.E. Machine”

- “Wild Child”

- “Sleeping In The Fire/Forever Free”

- “The Headless Children”

- “I Wanna Be Somebody”

- “The Crimson Idol Set – The Titanic Overture – Intro”

- “The Crimson Idol Medley – The Invisible Boy/I Am One/The Gypsy Meets The Boy”

- “The Idol”

- “The Great Misconceptions of Me”

- Drum solo

- “Chainsaw Charlie (Murders in the New Morgue)”

- “Heaven’s Hung In Black”

- “Blind In Texas”



Reportagem: Ana Margarida Santos
Fotos: Nuno Silva

- MISS LAVA :
https://www.facebook.com/media/set/?set=a.464839083566706.137525.100001218544206&type=3


- ATTICK DEMONS:
https://www.facebook.com/media/set/?set=a.464852730232008.137531.100001218544206&type=3


- IBÉRIA:
https://www.facebook.com/media/set/?set=a.464865476897400.137535.100001218544206&type=3


- W.A.S.P.:
https://www.facebook.com/media/set/?set=a.10151276193943331.483549.688808330&type=3


Videos: Ana Margarida Santos


- MISS LAVA: http://www.youtube.com/watch?v=WmVPjVNNjPU
- ATTICK DEMONS:​http://www.youtube.com/watch?v=saFWkaOgFPk

​​​http://www.youtube.com/watch?v=-TzapAobi1o
- IBÉRIA: http://www.youtube.com/watch?v=r8nxILRRZK0

- W.A.S.P.:​http://www.youtube.com/watch?v=C5n4To4Wp6Q

​​http://www.youtube.com/watch?v=ogc4InCT5xY

​​http://www.youtube.com/watch?v=lpfa2P1ppHM

​​http://www.youtube.com/watch?v=8Q8IrZODZVg

​​http://www.youtube.com/watch?v=jhc6bVOQqsE

Veja também: